PAC – PROCESSAMENTO AUDITIVO CENTRAL

Transtorno do Processamento auditivo: o que é?Uma dificuldade em lidar com as
informações que chegam através da audição. É um transtorno funcional da audição, no qual o
indivíduo detecta os sons normalmente, mas tem dificuldades em interpretá-los.
Objetivos do exame:Avaliar a funcionalidade do sistema nervoso auditivo central, ou seja, as
habilidades na detecção, discriminação, reconhecimento, localização, compreensão, memória
e atenção seletiva dos estímulos sonoros. Esse teste avalia as vias do sistema nervoso auditivo
desde sua entrada no tronco encefálico até sua chegada no córtex auditivo central e
conecções inter-hemisféricas, permitindo determinar se há ou não a presença de uma
disfunção, qualificar o tipo da dificuldade e direcionar as condutas e o processo terapêutico.
Manifestações comportamentais:Também considerado como uma dificuldade em um ou mais
níveis das habilidades auditivas. Costuma produzir dificuldades diárias no processo da
comunicação oral, na leitura e escrita, incluindo o desempenho escolar e a compreensão da
linguagem. Além dos prejuízos acadêmicos, é comum que esses indivíduos tenham algum tipo
de dificuldade de alteração social. A avaliação do Processamento Auditivo Central permite
estabelecer relações entre as habilidades auditivas, processos cognitivos e a memória.
Algumas das comorbidades mais encontradas:
 Desvio fonológico; dificuldades de aprendizagem; distúrbio /transtorno de
aprendizagem (dislexia, disortografia, disgrafia, discalculia); transtorno do déficit de
atenção e hiperatividade (TDAH); distúrbio específico da linguagem (DEL).
Pré requisitos:
 Importante: os pacientes que sejam medicados para problemas cognitivos e/ou
comportamentais, estejam fazendo uso da medicação durante a avaliação.
 Idade: acima de 6 anos; Produção articulatória inteligível (sob repetição); Linguagem
compreensiva (compatível com as tarefas); Limiares tonais (perda auditiva simétrica
até 55dB); Sem patologia atual de orelha externa e/ou média; Nível cognitivo
(compatível com a tarefa).
Quais profissionais podem encaminhar para o exame do PAC
 Fonoaudiólogos; Psicopedagogos; Psicólogos; Otorrinolaringologistas; Pediatra;
Neurologistas; Psiquiatras; e a própria escola, seja por indicação do professor de sala
de aula ou da equipe técnica.

Fga. Juliane M. G. Morelli
Ms. Em Saúde e Gestão do Trabalho

CRFa 3-629